Golden Trail National Series

Autor: Vitor Dias  /   Outubro 29, 2018  /   Publicado em Notícias  /   Sem Comentários

Golden Trail National SeriesA Salomon cria um circuito formado por 5 das provas mais especiais que se celebram em Espanha e Portugal com o objetivo de reunir os melhores atletas nacionais. O Louzan Trail (29km), a Maratón del Meridiano (42km), o Trail Cap de Creus (24km), Zegama Aizkorri (42km) e a Sky Pirineu (36km): cinco corridas, um grande final. O circuito partilha a filosofia das Golden Trail Series que este ano tiveram a sua primeira edição com a vitória de Stian Angermund e Ruth Croft.

Na sua primeira edição, as Golden Trail Series reuniram os melhores atletas do mundo de corrida de montanha em cinco provas únicas e uma grande final celebrada na África do Sul. Agora a Salomon quer replicar o mesmo modelo em Espanha e Portugal, com as Golden Trail National Series 2019. Um circuito formado por 5 das corridas de montanha mais especiais que se celebram entre Espanha e Portugal com distâncias entre os 20 e os 42 km, com os melhores atletas nacionais e fiéis à filosofia Golden Trail.

CALENDÁRIO – GOLDEN TRAIL NATIONAL SERIES

27 Janeiro. Louzan Trail (29km, 2330m D+). Portugal. Incursão na história.
2 Fevereiro. Maratón del Meridiano (42km, 2600m D+). Espanha. No fim do mundo.
7 de Abril. Trail Cap de Creus (24km, 1200m D+). Espanha. Um paraíso entre o céu e o mar
2 de Junho. Zegama Aizkorri Maratoia (42km, 2700m D+). Espanha. Uma atmosfera única.
5 de Outubro. Grande Final: Sky Pirineu (36km, 2800m D+). Espanha. Alta montanha em estado puro.

Assim o circuito arrancará a 27 de Janeiro em Portugal, com o Louzan Trail (29km, 2330m D+), uma prova que através de caminhos rurais, entre as famosas Aldeias do Xisto, por vales e zonas de montanha, se descobre a história da Serra da Lousã, no coração de Portugal.
A escolha do Louzã Trail para abrir este circuito não foi por acaso, já que esta prova não é desconhecida para a Salomon. “ Na verdade, não só a marca tem seguido com interesse as edições anteriores da prova, como os seus atletas conhecem bem o potencial da Serra da Lousã, sendo habitual para eles treinar nesses trilhos.
A filosofia por detrás do trail running implica uma conexão profunda do atleta com o meio envolvente. Correr nos trilhos da Serra da Lousã permite a catarse do atleta, o seu regresso às origens e uma ligação à história natural do nosso país. Afinal, os trilhos que ligam as Aldeias do Xisto, agora recuperados para a prática da modalidade, foram durante centenas de anos percorridos pelos habitantes da serra.” Explica José Guimarães da Salomon/Suunto Portugal.

Depois de celebrado o Louzã Trail, o calendário leva-nos até à ilha mais pequena do arquipélago Canário, El Hierro, e o ponto mais a sul da Europa, com a Maratón del Meridiano (42km, 2600m D+). Em Abril os corredores poderão desfutar do Trail Cap de Creus (24km, 1200m D+), entre o céu e o mar, vão desafiar os altíssimos picos da costa e descobrirão a beleza do Parque Ntaural. A atmosfera única de Zegama Aizkorri (42km, 2700m D+) acolhe os atletas a 2 de Junho com o seu clima, a sua lama, o seu carisma…e todos os ingredientes que a tornam única. Depois destas quatro provas a final Golden Trail National Series será vivida na nova Sky Pirineu (36km, 2800m D+), uma corrida de puro sky running cujo seu traçado passa por alguns dos lugares mais emblemáticos do Parque Natural del Cadí Moixeró.

Um circuito, um ranking final

Realizadas os 4 primeiros encontros, os 5 primeros classificados masculinos e femininos serão convidados a correr a Grande Final das GTNS, que se celebrará em Bagà, com a Sky Pirineu. Em cada uma das 5 provas que formam parte do circuito, incluíndo a grande final, será atribuída uma pontuação aos participantes, partindo dos 100 pontos para o primeiro até aos 2 para o corredor classificado na 30.ª posição.

Além disso os vencedores feminino e masculino serão convidados a desfrutar no próximo ano de várias provas das Golden Trail Series Internacionais. Para te candidatares à vitória e formares parte do ranking final do circuito, é obrigatório participares em 3 provas, sendo uma delas a Sky Pirineu, a Grande Final das GTNS.

Provas de Trail

Publique um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Copyright © 2008-2018 Correr Por Prazer ®. Todos os direitos reservados.