Os 5 no Caminho

Autor: Vitor Dias  /   Abril 30, 2013  /   Publicado em Crónicas  /   12 Comentários

Caminho de Santiago - Os 5 no CaminhoPerCORRER o caminho português de Santiago desde a cidade do Porto, começou a pairar nas nossas cabeças há cerca de 1 ano. Preparamos toda a logística, conciliamos a vida familiar e profissional e nos últimos dias, fizemos o que mais gostamos de fazer, ou seja correr e partilhar com os amigos de corrida um pouco das nossas vidas.

O destino da jornada estava marcado, era para Santiago que queríamos ir mas não era ver a catedral o nosso maior desejo, era usufruir do caminho. E assim foi. Queríamos perceber porque é que aqueles caminhos que desde o Sec. IX são percorridos por milhões de pessoas são tão especiais.

Com as pernas a fazer-me lembrar que ainda há 2 dias lá estávamos, percebo o que tem de especial o caminho. Se um livro nada vale se não tem quem o leia, o que tem um caminho se não tem que o percorra?

São as pessoas que fazem o caminho. Vêm de todos os cantos do mundo, pelas mais variadas razões, partilham o caminho, as palavras, a maçã e o beliche. Vêm pela primeira vez ou vezes sem conta. Esquecem o que deixam para trás e o que importa é o que vai aparecer depois daquela curva.

São novos e velhos, lentos ou rápidos, de botas, sapatilhas ou bicicletas. Trazem na mochila o mínimo indispensável, o seu mundo resume-se a uma linha com apenas um destino, que serpenteia montes e vales, rios e riachos, por estradas e caminhos onde as sombras de carvalhos refrescam as cabeças e nos trazem à ideia as razões porque cá estamos.

Foram 5 dias e 245 Kms de partilha. A dor de um é a preocupação de todos, o sucesso de cada um, todos glorifica.

As inesperadas palmas das pessoas das esplanadas em Compostela, ainda soam nos meus ouvidos e no meu coração irão perdurar por muito tempo.

Não tenho palavras para expressar a minha gratidão às 5 pessoas extraordinárias que me acompanharam. Obrigado Carlos Natividade, Nana, João Meixedo, Rui Pinho e Luis Pires.

Dedico esta minha jornada aqueles que privaram da minha presença e que são a razão do meu caminho diário.

Ana, Gonçalo e Francisco. Compreendam estas maluqueiras deste que procura no mundo a diferença da rotina diária.

“Faz o que sempre fizeste, obterás o que sempre obtiveste…”

Patrocinadores do evento:

5nc_pub

Provas de Trail

12 Comentários

  1. Fernando costa 30 de Abril de 2013 14:45

    Parabéns Vitor!
    Grande texto, emocionante.

  2. Rui Pinho 30 de Abril de 2013 14:49

    Excelente. Como foi o Caminho. É esse o espirito que trazemos do Caminho, o da partilha com todos, inclusive o que de mais pessoal temos. Foi uma honra. Aquele abraço!

  3. João Meixedo 30 de Abril de 2013 17:32

    Faço minhas as tuas emoções!

  4. Isabel Sousa Pires 30 de Abril de 2013 18:48

    Beijinhos aos cinco e à Náná. Gostei do “espírito”.

  5. SlowRunner 1 de Maio de 2013 13:32

    Parabéns a todos!

  6. José Xavier 2 de Maio de 2013 12:29

    Caros amigos,

    Parabéns pelo feito.!! O que voçês fizeram não é para todos,…. é só para alguns!

    Muito bem.

    Um abraço dos Xavieres

Publique um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Copyright © 2008-2018 Correr Por Prazer ®. Todos os direitos reservados.