Pronto para treinar para uma Maratona?

Autor: Filipa Vicente  /   Maio 16, 2011  /   Publicado em Treino  /   32 Comentários

A distância mítica inspira muitos corredores mas demove ainda mais, os 42km que o separam de ser um Maratonista, não são de todo 2 meias maratonas. O que se passa irá mudar a sua vida radicalmente. Mas antes de tomar o primeiro passo, responda às seguintes questões para saber se de facto está pronto para correr uma Maratona.

 Corre há pelo menos um ano?

Recomenda-se que esteja a correr regularmente há pelo menos 1 ano, no mínimo 3 vezes por semana em treinos pelo menos de 5km. Se começar um plano de treino para a Maratona sem estes mínimos, poderá correr um grave risco de lesão.

 Tem tempo suficiente para dedicar ao treino?

Os planos incluem pelo menos 3 treinos semanais de 6 a 13km mais uma sessão longa ao fim de semana que pode chegar aos 32km. Isto equivale a correr cerca de 6 horas por semana sem contar com os alongamentos e trabalho de reforço muscular, além dos treinos de recuperação. Olhe para a sua agenda e assegure-se que consegue cumprir um calendário assim.

Tem outras prioridades na sua vida?

Se tem filhos pequenos ou se tem um projecto profissional importante para iniciar talvez seja desnecessário somar-lhe outro factor de stress. A estrada espera por si… Poderá continuar a fazer as suas corridas e acumular quilómetros para mais estar poder dedicar-se a 100%, os sacrifícios familiares e individuais a que se terá de obrigar poderão não ser compatíveis com esta sua fase da vida.

Acha que é capaz?

Se não tem a certeza, pense duas vezes. Um plano de treino pode levar 20 semanas mas se não se sente capaz de fazer 21km, como vai fazer 42? Tem de acreditar em si, porque isso será vital quando as pernas quiserem ficar na caminha.

Porque quer correr uma Maratona?

Cada maluco tem a sua mania e cada corredor a sua motivação. Correr fez-me sentir capaz de fazer coisas que pensava não serem possíveis, ou por outro lado fez-me sentir capaz de percorrer distâncias que pensava só ser possível fazer de carro. Nunca fui uma pessoa atlética apesar de praticar muito desporto, treinei 10 anos em ginásio, cheguei a levantar o meu peso corporal em vários exercícios básicos, mas correr é diferente. Quando começamos mal conseguimos fazer 5km, e um dia damos por nós a correr uma meia-maratona. Este tipo de experiências muda a maneira de pensar de uma pessoa sobre as suas capacidades.

 
Se respondeu clara e concisamente com ideias positivas a todas as questões, está pronto. Agora é pegar nas sapatilhas e num plano de treino para iniciantes.

24h Portugal 2018

32 Comentários

  1. Tiago 16 de Maio de 2011 10:07

    Viva Filipa,
    o artigo é bastante bom, mas falta um plano de treinos. Para quem quer fazer uma 1ª maratona que plano deve seguir?
    Obrigado.

  2. Filipa Vicente 16 de Maio de 2011 10:24

    Olá Tiago,
    Sempre que possível procure um acompanhamento personalizado. Existem vários planos disponíveis online, mas convém sempre tentar verificar se são mesmo adequados para si.

    O plano sugerido pela Run Porto é o seguinte:
    http://www.maratonadoporto.com/treinos/PLANODETREINO_MARATONADOPORTO.pdf

    Depois tem também, alguns planos e conselhos importantes no portal do Carlos Fonseca
    http://www.atletismo.carlos-fonseca.com/maratona.htm

    E claro, a ferramenta smart coach ou entrenamiento inteligente da Runners World que lhe permite delinear um plano de acordo com a sua última marca, e a intensidade com que quer treinar.

    Não existe uma fórmula 100% certa, como em tudo na vida, mas recomendo-lhe que escolha um plano e mantenha até ao fim. Aprenderá por certo aos poucos o que funciona bem ou menos bem consigo (alto volume, mais séries, etc.). É uma aprendizagem contínua.

    Bons treinos
    Filipa Vicente

  3. Tiago 16 de Maio de 2011 10:39

    Ok.
    Muito obrigado.

  4. Alberto 16 de Maio de 2011 14:54

    Olá!
    Corro há cerca de ano e meio e já completei algumas meias maratonas. De facto é verdade, a cada marca superada pensa-se na próxima! Nos últimos tempos tenho pensado em arriscar a Maratona mas e verdade é que não tenho tempo!
    Tenho dois empregos e dois filhos pequenos que não me dão hipóteses de acumular os kms necessários. Fica o projecto adiado com a certeza que será concretizado, mais cedo ou mais tarde!

  5. Paulo Sousa 16 de Maio de 2011 15:08

    Olá Filipa,

    este ano superei o desafio da meia e como é natural em quem corre, segue-se o desafio da maratona… estou a pensar concretizá-lo no final do ano e com 3 hipóteses: Porto, Lisboa ou Valencia.
    Para já e até lá, mais uma meia no próximo fds… vamos ver como corre o Douro.

    Parabéns pelo artigo!

  6. Carlos Silva 16 de Maio de 2011 17:11

    Artigo com bastante interesse e bem descrito,o que me deixou entusiasmado e já agora, alguém tem
    um plano de treino para a Maratona ?
    Obrigado e BOAS PROVAS

  7. Filipa Vicente 16 de Maio de 2011 19:55

    @Carlos, estão uns comentários acima 4 ideias sobre onde arranjar.

  8. vitor 17 de Maio de 2011 17:56

    BOA

    O artigo vêm mesmo a calhar, para mim que ando a pensar em fazer a 1ª maratona no dia 6 de Novembro deste ano..

    Apenas fazia treinos de +/- 10 Km ao domingo, á 2 semanas ando a fazer treinos á semana…

    Se me sentir melhor, em Junho começo o plano da Runporto, que me dizem…

    Abraço

  9. Filipa Vicente 17 de Maio de 2011 19:04

    @Vitor, também me vou estrear no Porto. Estou a fazer 3 treinos semanais e vou progredir nestas próximas 5 semanas até estar a correr 5x, para depois poder fazer a frequência recomendada no plano. Reforço muscular, alongamentos e força nisso!

  10. Manuel 1 de Junho de 2011 18:11

    Olá aos demais,

    Sou de lx e comecei esta semana a fazer um plano de treinos de 18 semanas para a minha 1ª maratona (em Budapeste a 2/10). Se alguém estiver num plano de treinos idêntico, teria todo o gosto em ter companhia para esta “maratona” (sim, pq a maratona não sao as 3/4h, são sim os próximos 4 meses!) :). abc, manuel.

  11. Jorge Rocha 16 de Setembro de 2011 10:04

    Viva meus caros,

    Quando cortei pela primeira vez a meta dos 42,195km (Maratona Porto 2007) a emoção tomou conta de mim…foi sem dúvida um marco na minha vida, um virar de página. Foi um culminar de um processo longo a que me sujeitei. Deixei de fumar, emagreci uns bons kg, adoptei hábitos alimentares mais saudáveis…
    Passados estes anos o bichinho das corridas continua cá e não tenho dúvidas nenhumas que enquanto o meu corpo puder a estrada será uma das minhas companhias preferidas…

    Um Abraço para todos

  12. Vitor Dias 16 de Setembro de 2011 10:15

    Obrigado Jorge por partilhar connosco as sua experiência. Eu terminei a minha primeira no ano seguinte e já lá vão 7. O empeno dos dias seguintes não nos demove de continuarmos.

    Crónica da minha primeira maratona: http://www.correrporprazer.com/2008/10/a-minha-primeira-maratona/

    Boas corridas.

  13. Carmen Lima 16 de Setembro de 2011 10:41

    Olá Vitor,

    Mais um post brilhante.

    Poderíamos ainda incluir a seguinte questão: “ Tem compreensão e apoio do seu núcleo familiar?”

    Beijinhos

  14. Vitor Dias 16 de Setembro de 2011 11:04

    Olá Carmen
    É muito pertinente a sua questão. Penso que é um dos maiores problemas do corredor. Conciliar corrida/trabalho/família não é nada fácil. Lanço o repto para que aqui partilhem as vossas realidades. Cumprimentos

  15. Filipa Vicente 16 de Setembro de 2011 19:24

    @Carmen Lima
    Sem dúvida uma questão a ter em conta que complementa o ponto em que se fala das “prioridades na vida”. Muitos atletas sonham fazer uma maratona num momento em que a nível familiar e/ou profissional não estão totalmente disponíveis para o elevado sacrifício que isso acarreta.
    Perante aquele volume de treino, o atleta tem que obrigatoriamente conseguir saber que tem “aquele tempo para si”.
    Eu a esse nível sou uma sortuda, mas cabe a cada um decidir isso. Para uma “mãe” e “dona de casa”, treinar para uma maratona pode acarretar um sacrifício como correr antes de todos acordarem ou à hora de almoço, etc.
    Haverá que delinear isso e se não é possível não se sintam frustrados, um dia irão ter essa oportunidade.

  16. O. Morais 14 de Outubro de 2011 11:52

    Olá Viva… Sou mais um dos “Malucos” que está seriamente em correr pela 1ª vez numa Maratona. Já fiz algumas meias com resultado nada mau (pelo menos para mim… o recorde está em 1:27:33). Agora estou na dúvida do próximo passo. Tenho feito (a solo) algum treino para os 42 Km, mas como alguém disse se tivesse alguma companhia era capaz de ser mais fácil. Treino em Viana, assim se houver alguém que me queira acompanhar… (omorais.estg@gmail.com).

  17. Vitor Dias 14 de Outubro de 2011 14:22

    Olá O. Morais

    Onde vai ser a estreia no Porto? Se for o caso não se irá arrepender. Já agora permita-me sugerir-lhe a leitura da minha primeira, precisamente no Porto: http://www.correrporprazer.com/2008/10/a-minha-primeira-maratona/

    Bons treinos.

    Cumprimentos

    Vitor Dias

  18. O. Morais 14 de Outubro de 2011 15:04

    Olá Vitor,

    É mesmo no Porto que estou a pensar… E se for, espero mesmo não me arrepender…

  19. Vitor Dias 14 de Outubro de 2011 21:54

    Bem-vindo à invicta. Já eu, curiosamente antes de fazer a minha 9ª maratona aqui no Porto farei a 8ª. aí em Viana no Grande Trail Serra D’Arga (42Kms) já no próximo dia 23 de Outubro. Cumprimentos

  20. O. Morais 15 de Outubro de 2011 10:34

    Olá Vitor, espero que lhe corra bem essa aventura por terras de Viana. Acho que essa deve ser ainda mais dura do que a maratona dita “normal”, não? Só digo uma coisa… se ainda não conhece aquela zona, vai adorar… na zona dos pinchos tem paisagens (cascastas) bem lindas… Já por lá andei várias vezes, mas apenas em passeio.
    Cumprimentos e boa prova.

  21. Vitor Dias 15 de Outubro de 2011 16:03

    Olá Morais

    Mais dura? Durissima. 5000m de desnível acumulados. Vai ser a minha estreia neste tipo de provas. Já lá fui a um free running e os locais que fala são lindíssimos. Infelizmente o incêndio que lá está a lavrar neste momento já obrigou a organização a mudar o trajecto e já não vamos às cascatas… Mas vai ser bom na mesma. Cumprimentos

  22. O. Morais 4 de Novembro de 2011 10:35

    Bom… Domingo lá vou eu… Estreia absoluta em maratona… Porto espera por mim…

  23. Vitor Dias 4 de Novembro de 2011 14:28

    Boa sorte. Lá nos veremos nas ruas da invicta.

  24. O. Morais 11 de Novembro de 2011 12:01

    Ora bem… A Minha estreia foi mesmo na Invicta. Acho que não podia ter escolhido melhor… O tempo esteve óptimo e, modéstia à parte, a minha prestação ficou muito além do esperado. Para quem estava com receio das “apenas” 4 semanas de treino específico para a maratona, e a contar fazer na melhor da hipóteses 3h:45 min, o tempo de 3:30 foi excelente. Mas melhor que isso foi toda a corrida, todo o apoio e claro, chegar ao fim sem qualquer tipo e problema físico e com a sensação de poder ter feito melhor. O meu OBRIGADO a todos aqueles atletas que como uma enorme família, foram apoiando ao longo de todo o percurso… Já agora Dorsal:96… LOL… Fico à espera da próxima…

  25. Braulio Barbosa de Araujo 7 de Janeiro de 2012 23:23

    Fiz a maratona de Curitiba dia 20 de novembro de 2011, foi uma carga de treinos de 7 meses treinando em média 70km por semana. Foi maravilhoso como foi a primeira o tempo de 3:45 min, considerei exelente, pois já estou com 50 anos e me preprando para a próxomo que sera dia 29/04/2012 em Belo Horizonte onde resido. Completar esta maratona e bem foi meu melhor presente de final de ano. FELIZ 2012 E BOAS CORRIDAS PARA TODOS.

  26. Débora 11 de Fevereiro de 2012 20:56

    Olá, tenho 34 anos e só agora descobri o prazer de correr.
    Espero um dia poder partilhar também as minhas experiências 🙂

  27. Raquel 25 de Janeiro de 2017 23:13

    Nossa, correr 6 horas por semana é muita coisa hein. Mas vou me esforçar ao máximo, quero muito participar de uma maratona, é um dos meus objetivos para 2017

  28. Gustavo 16 de Março de 2017 4:56

    Nossa, adorei esse checklist do “você está pronto?”

    Acho que vou ter que treinar durante mais um tempo. 6 hora por semana realmente é bastante.

Publique um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Copyright © 2008-2018 Correr Por Prazer ®. Todos os direitos reservados.