Emil Zátopek

Autor: Vitor Dias  /   Outubro 23, 2010  /   Publicado em História  /   5 Comentários

Nacionalidade: República Checa

Nascimento: 19 de Setembro 1922 (Kopřivnice)

Falecimento: 22 de Novembro de 2000 (Praga) com 78 anos

Venceu a Maratona dos Jogos Olímpicos de Helsinquia em 1952 com o tempo de 2h23m03s.

Sexto filho de uma família pobre, tornou-se um dos maiores nomes do atletismo de todos os tempos e recebeu o apelido de “Locomotiva de Praga” ou “Locomotiva Humana!”.

Foi  o único homem a vencer os 5000 metros, 10000 metros e a maratona numa mesma Olimpíada. O feito aconteceu nos Jogos de 1952, em Helsínquia, na Finlândia.

Zátopek já havia participado nas Olimpíadas de Londres de 1948, sendo medalhado com o ouro nos 10.000 metros e a prata nos 5.000. Mas foi em Helsínquia, aos trinta anos de idade, que conseguiu a sua façanha gloriosa: venceu os 10.000 m com o novo recorde olímpico de 29m17s. Quatro dias depois, conquistou a medalha de ouro nos 5.000 m com o tempo de 14m06s. Três dias depois, enfrentava a maratona no que era a sua primeira experiência na distância. Como era “caloiro”, Zátopek resolveu acompanhar os “especialistas” e acabou por vencer com um novo recorde olímpico de 2h23m03s.

Ao todo, Zátopek bateu vinte recordes mundiais, variando de 5.000 m a 30.000 m. Em 1951 tornou-se o primeiro homem a fazer 20 km numa hora.

Ainda participou da maratona dos Jogos Olímpicos de 1956, apenas 45 dias depois de se submeter a uma cirurgia. Apesar do médico lhe recomendar a ficar dois meses sem correr, Zátopek completou a maratona em sexto lugar.

Zátopek foi casado com uma atleta também Checa (lançamento do dardo). Tratava-se de Dana Zátopková, que nasceu no mesmo dia, mês e ano que ele, tendo também sido campeã olímpica. Na tradição deles não era permitido o casamento se a mulher fosse mais velha que o homem, mas Zátopek veio a provar que Dana era mais nova que ele algumas horas e então puderam casar-se sem choque contra a cultura deles.

Zátopek é uma referência no treino desportivo (no período pré-cientifico) por utilizar estratégias de treino nunca antes vistas. Ele utilizou o “interval training” pela primeira vez, fornecendo bases empíricas para as futuras pesquisas cientificas sobre este método.

Fonte: Wikipédia

Azores Trail Run

5 Comentários

  1. João Paulo Meixedo 27 de Outubro de 2010 21:27

    Não podia deixar passar o GRANDE Zátopek, sem um único comentário. Desde miúdo, sem que percebesse nada de atletismo, e sem que ligasse muit à modalidade, para ser sincero, Zatopek, em minha casa era um nome ciatdo tantas vezes como Fitipaldi.

  2. César Bessa 23 de Agosto de 2011 18:49

    Zátopek era conhecido como “a locomotiva humana” chegava a fazer 50x400m de treino intervalado e longos fartleks.
    Se o pudessemos transportar aos dias de hoje, com as actuais condições de treino e alimentação, decerto seria o melhor fundista de todos os tempos e o recordista mundial das distâncias que correu (5000m 10000m e maratona)Não tenho dúvidas.

  3. Vitor Dias 24 de Agosto de 2011 10:15

    Olá César
    Não há dúvidas que qualquer um destes atletas, nos dias de hoje e com as condições agora existentes, bateriam qualquer corredor da actualidade. Cumprimentos

  4. Rodolfo Noetzold de Oliveira 1 de Dezembro de 2014 11:03

    Zatopeck era um Corredor “queniano branco”. Certamente nos dias de hoje disputaria com os melhores as vitórias nas provas, o que ele fazia no seu tempo era algo surreal para aquela época.

  5. Mateus Santana 18 de Outubro de 2016 20:17

    Não conhecia o Emil, sem dúvidas um dos maiores corredores da história.

Publique um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*