Coisas simples fazem a diferença

Autor: Filipa Vicente  /   Julho 23, 2010  /   Publicado em Notícias  /   3 Comentários

Coisas simples fazem a diferençaAs coisas mais simples resultam melhor e o essencial é invisível aos olhos. Quer isto dizer que por muito que se preocupe em fazer quilómetros atrás de quilómetros, os cuidados mais simples e que parecem pouco importantes podem ditar a diferença na sua saúde e na sua performance. 

1)    O equipamento

Dificilmente conseguirá correr com gosto se utilizar os mesmos calções e umas sapatilhas velhas e gastas. Se quer começar a ter resultados, comece por mimar-se comprando um equipamento novo, mesmo que seja apenas um conjunto desde que possa lavar e secar facilmente.

As sapatilhas são a peça mais cara, deve investir num modelo adequado ao seu tipo de passada, do tamanho correcto e não pensar em sapatilhas mais leves mas sim com mais suporte para evitar lesões de futuro. Consulte uma loja especializada onde lhe possam dar um aconselhamento mais adequado. Aproveite e compre alguns pares de meias novas.

2)    O combustível

Se já lê o Correr por Prazer há algum tempo sabe que a Nutrição é um dos aspectos determinantes na sua performance. Se começou agora, não desespere. Reveja os principais problemas na sua alimentação e corrija-os instituindo hábitos alimentares saudáveis.

Privilegie o pequeno-almoço, a refeição antes e depois do treino, faça as pequenas merendas intermédias e controle as quantidades à hora de refeição, a partir daí só terá de afinar a máquina.

Infelizmente, não há cuidado nutricional nenhum por mais avançado que possa ter no dia da prova para resolver os hábitos alimentares caóticos das semanas de preparação.

3)    Acompanhamento de profissional

Não tem de ter uma equipa completa ao seu dispor e pagar balúrdios por mês em massagista, treinador, etc. mas uma vez por outra deve mimar-se e procurar apoio profissional para as mais diversas variáveis da sua saúde e performance.

  • Faça um check-up médico anual no início da temporada ou num mês sem provas. Uma prova de esforço, a tradicional bateria de análises clínicas, um Raio X ao tórax e outros exames se tiver antecedentes de alguma lesão.  Já há várias clínicas que têm o serviço de exame médico-desportivo com um médico especializado. Na saúde não se deve poupar.

  • Complete estes dados com uma avaliação da condição física. Pode consegui-lo num ginásio ou health club, muitos disponibilizam esse serviço mesmo para não utentes. Deve ter informações concisas sobre a sua condição cardiovascular, desequilíbrios posturais, força de membros e flexibilidade.

  • Consulte um ou mais treinadores. Pode conseguir muitas respostas nos artigos das revistas de especialidade ou aqui no Correr por Prazer mas sempre que possível procure um treinador (ou mais) que lhe possa dar uma opinião sobre que tipo de treino deve fazer para um dado objectivo. Os dados da avaliação física e do check-up permitirão ter informações mais completas sobre os principais pontos fracos.

  • Avaliação biomecânica da passada. É um dado importantíssimo para prevenir lesões uma vez que, como dissemos primeiro, o calçado é o equipamento mais importante para o corredor. Quando estiver prestes a comprar umas sapatilhas novas consulte um podologista e/ou visite um centro especializado como o CETAD.

  • Alimentação à la carte. Não podemos garantir que terá um plano alimentar perfeito para o resto da sua vida mas por certo ficará a ganhar sabendo quais os alimentos mais adequados, os principais cuidados a ter tendo em conta os seus objectivos, como ultrapassar as principais dificuldades para ter uma alimentação saudável. Conseguirá tudo isso com o acompanhamento de um Nutricionista.

  • Massagista, Pedicure, etc. A massagem desportiva ajuda imenso na recuperação muscular, pondere recorrer a este luxo quando se estiver a preparar para uma prova em que quer dar o máximo. Os seus pés também agradecem um cuidado especial, afinal de contas precisa deles para muitos quilómetros, tenha as unhas sempre cortadas e trate dos calos, bolhas, etc. com todo o afinco.

24h Portugal 2018

3 Comentários

  1. Vasco Farias 23 de Julho de 2010 12:28

    Os massagistas são previlégio de atletas federados ou “enclubados” ou estão ao dispôr de qualquer corredor anónimo?
    Sugestão: seria interessante poder dispôr duma lista de massagistas a quem se possa recorrer.
    Boas corridas!

  2. Filipa Vicente 23 de Julho de 2010 13:28

    Olá Vasco,

    Provavelmente haverá uma grande oferta de massagistas e tornar-se-ia muito complicado estar a publicitar esse tipo de serviços. No entanto, por certo pode encontrar centros especializados onde tem uma equipa devidamente certificada e diplomada para a massagem desportiva. Estou-me a lembrar por exemplo da 4NTEP em Lisboa, a EMMA no Porto que penso ter estado na Expo Maratona do Porto em 2009.
    E depois poderá também procurar junto de outros corredores que conheça feedback de massagistas que trabalhem independentes.

    Não tem que ser nem muito barato nem muito caro, normalmente podem combinar-se valores por um pacote de várias sessões quando sabe que vai precisar de relaxar durante essa preparação tão importante.

    Bons Kms

  3. NELSON PERNETA 23 de Julho de 2010 21:36

    Olá,viva Dra.Filipa.Estando de acordo com tudo acima escrito,permita-me acrescentar uma coisa que eu acho importante,as sapatilhas pois são por aí que começam os verdadeiros problemas os lombagos, ciáticas dores dorsais etc.Há muitos anos tive uma lesão num disco na L5 e novamente através de pesquisas nos livros consegui arranjar solução para a minha situação,colocando uma palmilha no interior da sapatilha lado esquerdo,pois descobri que tinha a perna esquerda mais curta 0,5cm que a direita provocando as dores.Este problema passa despercebido a muitos atletas porque é muito difícil de detectar,gastando dinheiro sem sucesso.Deixo aqui o meu testemunho se for útil algum atleta que passe o mesmo problema.Bom fim de semana

Publique um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Copyright © 2008-2018 Correr Por Prazer ®. Todos os direitos reservados.