Receitas para correr melhor – Pizza

Autor: Filipa Vicente  /   Abril 08, 2010  /   Publicado em Alimentação  /   3 Comentários

Receitas para correr melhor - PizzaSe o melhor amigo do corredor é a massa, então do que é feita a pizza? As grandes maratonas estão aí a bater à porta, assim como as duras provas de montanha, e quer variar as refeições com que abastece o combustível mas a massa já não sabe a nada. A pizza é uma alternativa viável e nutricionalmente equilibrada se forem respeitados alguns cuidados na preparação da sua receita.

Para começar, necessita de tratar da base, não precisa de fazer em casa porque felizmente a tecnologia já nos trouxe boas opções nesse sentido. Pode comprar ultracongelada ou fresca, e passar à fase seguinte – preparar o molho e a cobertura.

Os italianos gabam-se da riqueza antioxidante dos seus pratos culinários, além das coloridas e variadas saladas do antipasti, uma grande parte das receitas inclui molho de tomate. A riqueza do tomate estende-se muito além da vitamina C, a sua cor vermelha deve-se ao elevado teor de licopeno – um caroteno com forte acção cardioprotectora e preventiva do cancro.

No entanto, o licopeno só está activo e pronto para ser absorvido e trabalhar a nosso favor, quando é aquecido e processado, por isso a pizza é uma excelente fonte de licopeno não fosse a base da Margueritta um saboroso e simples molho atomatado.

Molho Base p/ 1 Pizza

400g Tomate triturado

1 colher de sopa de azeite

1 colher de chá de manjericão

½ colher de café de pimenta preta acabada de moer

1 colher de chá de orégãos

Preparação:

  1. Pré-aqueça o forno a 180ºC.

  2. Numa frigideira, coloque o azeite e aqueça um pouco, deite o tomate triturado e deixe aquecer 1-2 minutos.

  3. Coloque cuidadosamente na base da pizza, espalhando bem para não deixar partes secas e tempere. Leve 5-10minutos ao forno a 180ºC.

Cobertura sugerida

120g Queijo Mozarella (se possível light)

¼ Pimento verde e ¼ pimento vermelho

100g Cogumelos frescos laminados

Preparação

  1. Corte o queijo e o pimento em tiras e espalhe uniformemente pela base da pizza tal como os cogumelos laminados.

  2. Leve ao forno a 180ºC durante 20-30minutos. Se desejar pode reservar algum molho para colocar a meio da cozedura.

Valor nutricional

745Kcal 45g proteína 79g Hidratos de carbono 31g Gordura 14g Fibra

Comentário:

De acordo com o seu valor nutricional, idealmente, esta receita deveria dar para 2 porções para um indivíduo de 60-70Kg podendo ser para uma só se o seu peso for superior a 75Kg.

A reforçar, seria importante que fosse nos hidratos de carbono e nesse sentido sugerimos que combine por exemplo com a receita dos cubos de aletria ou com uma gelatina.

Na Pizzaria:

  • Peça massa fina no lugar de bases duplas;

  • Prefira frango, atum, fiambre, queijo ao bacon, farinheira, carne;

  • O peperonni é especialmente picante, não se admire se ficar com muita sede… é uma opção menos arriscada para antes de uma prova;

  • Deixe o molho carbonara, o extra-queijo e o 4 queijos, assim como o pão de alho ou de queijo para uma ocasião especial ou vai acabar por encher o depósito errado.

  • A Tropical, Camponesa e Cheeseham são opções válidas na Pizzahut

  • Na Telepizza peça a Cool Cheese, a Atlântica ou a Bananás;

  • No Pasta Caffée além da Marguerita, tem os Calzones e a Mare e Bosco na lista das favoritas;

  • Em caso de dúvida, peça a Marguerita e junto os ingredientes ou procure gerir os ingredientes das pré-seleccionadas;

O tamanho da porção é tudo, como viu em cima, mesmo uma pizza com uma cobertura equilibrada pode ter um valor calórico um pouco elevado por isso seja razoável, sobretudo se não quer levar “chumbos” no cinto à partida.

Provas de Trail

3 Comentários

  1. Katryny 8 de Abril de 2010 12:53

    Gostei dessa dica da pizza.
    Evitava porque não tinha certeza se era uma boa, mas agora vou testa-la antes do próximo longão.

    Valeu,

    futuramaratonista.blogspot.com

  2. Marco Silva 8 de Abril de 2010 20:52

    Por isso é que eu me sinto bem a comer uma boa pizza, regada com um tinto ou uma “Pretinha” fresca. Dá cá um power. Não é só massa.
    E se juntarmos como sobremesa, uma aletria com canela, Hummmmmm!!!!
    Já estou com fome e ainda agora acabei de jantar.

    Mas fica para o próximo fim-de-semana, pois não convem exagerar.

    Abraços.

  3. Nelson Perneta 15 de Abril de 2010 19:35

    Olá Dra.Filipa.Com estas receitas de pizza,alguém que eu conheço perfeitamente ainda fica redondo.Sinceramente acho que a pizza é um excelente alimento bastante nutritivo,satisfazendo as necessidades que um atleta tanto precisa,sobretudo depois de um treino de alta intensidade como os famosos treinos intervalados últimamente comentados neste espaço.Há uma variante que os nuestros hermanos espanhoís praticam uma vêz por semana a comer de tudo,como eles dizem “hacer trampa una vez por la semana”.Obrigado pela sua sugestão

Publique um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Copyright © 2008-2018 Correr Por Prazer ®. Todos os direitos reservados.