A febre do tartaruga

Autor: Vitor Dias  /   Março 23, 2010  /   Publicado em Blogosfera Corredora
Tags: antónio bento, blog, Blogosfera Corredora

A febre do tartarugaComecei a correr em Setembro de 2003. Rapidamente cheguei às meias maratonas e ao fim de 2 anos e picos estreei-me na maratona, em Dezembro, em Lisboa. Sendo um apaixonado pela net e pelas suas potencialidades, segui desde o início os sites temáticos e os blogues da blogosfera.

Em 2004 o meu Amigo NK inicia o seu caminho no prazer das corridas e como perfeccionista que é, juntou o útil ao agradável e eis um dos mais conhecidos blogues da blogosfera.

Sempre fui um leitor atento e este bom exemplo motivou-me a criar um blogue, por alturas do meu 38º aniversário, em 2007. O nome foi de fácil escolha:

– Sou lento a correr, e sobretudo, gosto de correr devagar, quer nos treinos, quer na maioria das provas.

– Por outro lado admiro as tartarugas, pela sua sabedoria milenar e pela serenidade incrustada nas carapaças.

– Finalmente temos cá em casa uma tartaruga, a Olga, que é um must na família.

Tudo cozinhado, cheguei à “febre do tartaruga”, porque de vez em quando deliro febrilmente e corro com um pouco mais de velocidade.

O blogue tem por objectivo descrever as minhas experiências com a corrida. De qualquer forma e desde o início, que o leque de temas foi alargado … à vida em geral, para além das corridas, pois considero que cada pessoa nunca é apenas a veia de corredor, atleta ou outra qualquer, isoladamente.

Sendo um todo, e gostando de partilhar aspectos da nossa vida, só consigo entender a partilha pelo todo, nunca cingida apenas à vertente atlética.

E mesmo na vertente das corridas, tento explorar algo mais do que o resultado ou as incidências que se cingem ao tempo entre a partida e a chegada. É que uma corrida, é, também, uma aventura que começa muito antes da partida e que se prolonga muito depois da chegada.

Leia também ...  See You in Boston

Assim se passaram já 3 anos. Graças aos leitores do blogue, aos seus comentários, às palavras de ânimo e simpatia que vão deixando, cá vai o tartaruga galgando quilómetros, mais ou menos febril, sempre como intuito de aprender mais partilhando.

E a experiência tem sido muito rica, pois para além da aprendizagem constante, a blogosfera traz-nos a possibilidade de conhecer pessoalmente gente impecável, que muito nos dá, mesmo que por vezes não o saiba.

A luz que mantém o tartaruga febril está muito lá à frente, a longo, longuíssimo prazo: traduz-se em saúde e bem-estar pela vida fora, gozando e desfrutando do caminho, pois apenas existe um caminho: o de ida. E esse, temos que o saber aproveitar muito bem.

Para concluir um agradecimento especial ao Vítor, ao blogue correr por prazer e à excelente ideia de criar a rubrica “blogosfera corredora”. Estou muito grato!

Endereço do blog: http://afebredotartaruga.blogspot.com/

Sobre Vitor Dias

Autor e administrador deste site. Corredor desde 2007 tendo completado 54 maratonas em 15 países. Cronista em Jornal Público e autor da rubrica Correr Por Prazer em Porto Canal. Site Oficial: www.vitordias.pt
Fyke

8 Comentários

    X