Reforce as suas defesas

Autor: Filipa Vicente  /   Outubro 10, 2009  /   Publicado em Alimentação  /   Sem Comentários

No Inverno são frequentes as gripes e constipações que afectam bastante o seu bem-estar e podem sacrificar alguns treinos. Reforce as suas defesas com alguns cuidados à mesa para tirar maior partido do poder estimulante do exercício na imunidade.

3 Hábitos saudáveis

  • Mantenha uma alimentação saudável e equilibrada de acordo com as suas necessidades nutricionais, ajustadas ao objectivo, ao peso corporal e ao treino que está a fazer.
  • Não negligencie a proteína. É frequente os atletas apostarem nas fontes de hidratos de carbono e sacrificarem o teor proteico da sua alimentação. Procure incluir 2 a 3 porções de leite e derivados e pelo menos 4 porções de carne e equivalentes todos os dias.
  • Fuja da monotonia. Procure variar tanto quanto possível os alimentos e a forma dos confeccionar, assim consegue fornecer uma grande diversidade de nutrientes ao seu organismo.

Protecção garantida

Não existe uma fórmula mágica mas alguns alimentos podem ajudar bastante a reforçar a função imunitária e capacitar melhor o organismo para reagir contra agentes externos prejudiciais.

  • Verdes e coloridos. Os hortofrutícolas são ricos em antioxidantes que ajudam a neutralizar os radicais livres formados durante o esforço físico e devido ao stress e à poluição. Coma 2 a 3 peças de fruta por dia e pelo menos 2 chávenas almoçadeiras de hortícolas.
  • Iogurte. Reforça e repõe a sua flora bacteriana intestinal, a primeira barreira à entrada de patogénicos e uma importante defesa contra a formação de compostos carcinogénios. Procure comer pelo menos 1 iogurte por dia.
  • Mel. Tem uma série de compostos com acção antioxidante e estimulantes do sistema imunitário, além de ser uma forma de adoçar muito mais saudável do que o açúcar de mesa. Inclua 1 colher de sopa diária.
  • Peixe. Os ácidos gordos polinsaturados da família dos ómega 3 têm uma série de acções protectoras no organismo, entre outras são anti-inflamatórios. A febre, a dor muscular e outras doenças têm uma componente inflamatória significativa. Procure alternar entre carne e peixe nas suas refeições principais, sobretudo peixes de água fria (salmão, sardinha, cavala).

Suplementos de luxo

Todos ao alcance do supermercado mais próximo.

  • Alho e cebola. São ricos em compostos organosulfurados, que lhes dão o jeito característico, com acção antibacteriana e antiviral. Utilize ao natural e picado ou nos cozinhados.
  • Açafrão. É rico em curcumina, um composto com acção anti-cancerígena mas também um forte estimulante da imunidade.
  • Gérmen de trigo e Levedura de cerveja. São excelentes fontes de vitaminas do complexo B, essenciais nas reacções metabólicas mais importantes do corpo humano. 1 colher de sopa de cada nos cereais ou num batido.

Toque final

Mantidos estes cuidados, se tem especial tendência para sofrer de pequenas constipações logo que a temperatura desce, reforce as suas protecções:

  • Equinácea. Rica em flavonóides e óleos essenciais com várias acções protectoras no organismo. 500mg a 1g/dia.

Vitamina C. Essencial na acção do sistema imunitário e um antioxidante por excelência. 1g/dia

Ultra Trail Medieval 2019

0 Comentários

  1. Pingback: A 1 mês da Maratona: o que fazer? | Correr Por Prazer ®

Publique um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Copyright © 2008-2018 Correr Por Prazer ®. Todos os direitos reservados.