O problema dos gases

Autor: Vitor Dias  /   Outubro 17, 2016  /   Publicado em Lesões e Doenças, Notícias, Slider  /   Sem Comentários

gases_intestinaisEm público, por vergonha mas também pelas ‘normas’ da sociedade, tendemos a conter os gases. Mas que efeito é que isso tem na nossa saúde?

Toda a gente sofre ou já sofreu de flatulência e quando se está em público, se não queremos passar uma grande vergonha, é preciso conter os gases ou, pelo menos, disfarçá-los.

O médico gastrenterologista – especialista no sistema digestivo – Gonzalo Guerra destaca na secção Buena Vida do jornal espanhol AS que “os gases têm de ser expulsos e atender à chamada da natureza”.

De acordo com o médico da mesma especialidade Agustín Balboa “os gases formam-se nesta zona [no intestino grosso ou no cólon] pela interação de dois principais fatores: as bactérias que todos temos no cólon e os restos da digestão dos alimentos que ali chegam, onde se formam as fezes.”

Acrescenta ainda que esta é “uma situação de incómodo intestinal que raramente se complica”. No entanto, em casos extremos em que a pessoa não consegue libertar esses gases de forma nenhuma, podem formar-se divertículos – apêndice oco sem saída – na parede interna do intestino.

Estas formações podem infetar, quando em contacto com vestígios de fezes, por exemplo, provocando uma diverticulite, um problema que apesar de não ser grave é doloroso e pode exigir cirurgia.

No geral, conter os gases durante algum tempo não representa um grande risco para a saúde dos intestinos. Mas e o que é que acontece aos gases? Dissolvem-se no nosso corpo? Agustín Balboa responde: “Irão produzir-se processos lentos de reabsorção de alguns componentes do gás intestinal.” Mas até lá, deverá passar um mau bocado.

Gosta do nosso Blog? Pode votar em nós para a Blog do ano. Para tal basta clicar aqui. Não é necessário qualquer registo. Obrigado.

Fonte: Notícias ao minuto

Artigos relacionados

  • Exposição solar. Prepare-se!Exposição solar. Prepare-se! Todos sabemos que o sol é fundamental para a vida de todo o planeta, é essencial à nossa existência. Traz benefícios para a saúde, tais como a síntese da vitamina D (essencial para a absorção do cálcio) e mineralização […]
  • Uma digestão de corredor – Parte IIUma digestão de corredor – Parte II Por vezes, a melhor preparação é estragada por um imprevisto digestivo, outros atletas já sabem que no dia da prova, é rara a ocasião que não têm uma surpresa. Se puder evitar, recorde o artigo anterior sobre a […]
  • Provas em dia de eleiçõesProvas em dia de eleições Está quebrado aquele que parecia já ser um mito. Não é proibida a realização de provas em dia de eleições. Consultamos a Comissão de Eleições e salvo alguns aspectos que devem de ser salvaguardados, poderá realizar-se […]
  • Corrida discrimina mulheresCorrida discrimina mulheres Correm, treinam e pagam os mesmos valores nas inscrições. No entanto, no que respeita aos escalões e atribuição de prémios, o género feminino é discriminado em relação ao masculino na maioria das provas. As mulheres […]
  • O cérebro dos desportistas responde 82% mais rápido em situações de forte pressãoO cérebro dos desportistas responde 82% mais rápido em situações de forte pressão O estudo realizado pela Dunlop, em colaboração com o University College de Londres, avalia a importância do rendimento mental no momento de enfrentar o stresse. O estudo consistiu em testes físicos e psicológicos […]
100k Portugal

Publique um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Copyright © 2008-2015 Correr Por Prazer ®. Todos os direitos reservados.